A esperança de um país melhor; mais justo; com distribuição de renda e respeito aos direitos fundamentais da pessoa humana, se tornaram decepção e desapontamento para 47 milhões de brasileiros, quando foi anunciado o resultado da eleição presidencial no último dia 28 de outubro. A vitória do capitão reformado do exército Jair Bolsonaro, trouxe à metade do eleitorado que votou, a indignação e o medo pertencentes ao século passado, mais precisamente ao ano de 1964, quando ocorreu o golpe militar e marcou o início de 21 anos de ditadura no Brasil.